Logo | MedGuideXP

Dicas para Prática Clínica Vancomicina

Mecanismo de ação

Antibiótico glicopeptídeo administrado de forma Intravenosa em pacientes com suspeita de infecção por bactérias Gram positivas, principalmente Staphylococcus Aureus resistente à meticilina (MRSA).

Uso clínico

  • Infecção por Staphylococcus Aureus resistente à meticilina (MRSA)
  • Infecção por Enterococcus sensíveis a vancomicina
  • Infecção por Clostridium Difficile por via entérica (125-500mg VO de 6/6h)

Dose

  • Ataque: 

25-30mg/kg do peso atual (máximo 3G)

  • Manutenção: 

15-20mg/kg por dose (Máximo 2G) de 12/12h

  • Diálise (Ajustar pela Vancocinemia)

Intermitente - Ataque: 25mg/kg;  Manutenção 10mg/kg  (1x/dia)Contínua -  Ataque: 25mg/kg;  Manutenção 10mg/kg  (12/12h)

Sugestão de Infusão

  • 1000mg de vancomicina em 250ml de Sf 0,9% (Concentração máxima 5mg/ml)
  • Infundir no máximo 10-15mg/min, logo 1000mg em 90min

Como ajustar a dose

  • Coletar Vancocinemia no vale da concentração sérica (30min ou imediatamente antes da quarta dose) se função renal estável
  • Ajustar a dose para um nível sérico de vancomicina de 15-20mg/L (corresponde  AUC > 400mg/h) em infecções graves e 10-15mg/L em infecções não graves
  • Guidelines mais recentes sugerem utilizar AUC/MIC , porém é pouco factível na prática clínica (Necessidade de dosagem pico e vale)

Farmacocinética relevante

  • Baixa penetração SNC e pulmonar
  • Penetração reduzida em partes moles em pacientes diabéticos
  • Clearance renal, ocorrendo acúmulo em pacientes com insuficiência renal. 
  • Atividade bactericidade se AUC/MIC > 400mg/h

Efeitos Adversos

  • Nefrotoxicidade
  • Síndrome do homem vermelho (Eritema cervical, face e tronco)

Reduzir infusão para 500mg/h e administrar anti-histamínicos

  • Ototoxicidade 

Gostou do conteúdo? Continue nos acompanhando e por aqui e pela nossas redes para sempre estar atualizado!


Post elaborado por:

Dr Yuri | MedGuideXP

DR. YURI ALBUQUERQUE

Médico formado pela Universidade Gama Filho no Rio de Janeiro, com residências em clínica médica pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2015-2017), ano complementar em clínica médica (R3) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2017-2018) e Terapia Intensiva pela Universidade de São Paulo (2018-2020).
Leia mais

Colaboração acadêmica

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Direitos reservados MedGuideXP - Desenvolvido por Surya MKT
Site atualizado em:
10:01 | 12/07/2024
Entre em contato